serviço de limpezas Lisboa

CORONAVIRUS, ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS

A melhor prevenção ao coronavírus é não se expor a ele: por isso especialistas defendem que, quem puder, deve ficar em casa. Situação que já começa a acontecer, onde escolas, academias, transporte público, voos, entre outros, registraram diminuição no movimento. Quem precis

a sair deve tomar cuidados extras Ficar em casa tanto quanto possível mantém não só você, mas quem você ama seguro. Isso porque na maioria dos pacientes o coronavírus não vai provocar infecção severa, porém os indivíduos dos grupos de risco - idosos e portadores de comorbidade - podem, sim, morrer por complicações do Covid-19. Por se tratar de uma mutação recente, não se sabe exatamente o que ele provoca: pesquisas já mostraram que pacientes que retornaram da UTI na China apresentaram perdas pulmonares. A Organização Mundial da Saúde (OMS) reportou nesta semana as mais raras, mas

existentes, mortes de jovens e crianças. Assim, permanecer na residência é a recomendação das autoridades de saúde para frear o avanço do coronavírus. A Secretaria de Saúde recomendou nesta terça-feira, 17, que todos os idosos de 60 a 70 anos que tenham algum tipo de comorbidade sejam encaminhados pelas empresas a home office; quem tiver mais idade que isso, independentemente de doenças, deve permanecer em casa. a melhor opção é permanecer em casa. "O vírus é transmitido de pessoa para pesso


a por gotículas. Quando fala, tosse, espirra. Isso pode infectar o paciente mais próximo", pontua. A distância de um metro ajuda, é claro, porém o vírus sobrevive um tempo fora do organismo. Ao tocar em uma superfície contaminada e levar a mão à boca, ao nariz ou aos olhos, a pessoa pode se contaminar. Quem chegou de viagem de locais com transmissão da doença também deve evitar circular - se for preciso retornar ao trabalho e o home office não for uma opção, a empresa, se possível, precisa providenciar um cantinho um pouco mais isolado.

2 - O coronavírus mata.


VERDADE.

  • Na maioria dos casos, os sintomas serão brandos - tosse, coriza e espirro, por exemplo. Em alguns casos, no entanto, a doença afeta de maneira severa o sistema respiratório. Os grupos de risco mais afetados são os idosos e as pessoas com doenças crônicas e problemas que afetem o sistema imunológico.

3 - Eu posso me afastar do trabalho e continuar passeando normalmente.


MENTIRA!

  • O momento é de afastamento tanto quanto possível. Nem todas as empresas decretaram o home office, e tudo bem, já que o vírus não está disseminado pelo meio ambiente. A orientação, no entanto, é para que as pessoas evitem circular sem necessidade.

4 - Higiene pessoal é uma das medidas de prevenção mais importantes. VERDADE.



  • Lavar as mãos com frequência e utilizar álcool em gel na ausência de água e sabão; evitar levar a mão ao rosto se ela não estiver limpa; não tossir ou espirrar sem cobrir boca e nariz e utilizar lenços descartáveis impedem que o vírus, seja ele de coronavírus ou qualquer outro respiratório, como gripe comum ou sarampo, cheguem até você ou se espalhem pelo ambiente.

5 - Tudo que circula pelas redes sociais e pelo WhatsApp é confiável. MENTIRA!



  • As redes sociais estão impregnadas de informações manipuladas ou até mesmo mentirosas, com dados que podem colocar não só a saúde individual, mas a pública em risco. Existem formas seguras de obter informações: por meio da imprensa ou site de organizações como as secretarias de saúde, o Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde.

6 - É perigoso se automedicar. VERDADE.

  • As autoridades de saúde estão alertando para os riscos do uso indiscrimina


do de anti-inflamatório, que pode agravar as infecções por coronavírus. Corticoides também seriam maléficos. Assim, quem já utiliza essas substâncias deve consultar um médico sobre a continuidade. Para combater dor e febre, o ideal é usar paracetamol ou dipirona - mas o bom mesmo é sempre perguntar ao doutor.




0 visualização
 

Serviços de Limpezas Profissional, ém Lisboa

Preços Baixos com Qualidade

NovaNet Limpeza

933295267,  910564545, 910376086

Lisboa, Porto, Aveiro, Chaves.

  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube